fbpx

vamos conversar?

Anexth + SoftDesign: saúde a um clique de distância

Tempo de leitura: 10 minutos

No início de 2020, Marco Dias nos procurou com uma ideia. Sua equipe observou, por meio de pesquisas e análise de dados realizadas dentro da BN Brasil Tecnologia e Desenvolvimento (empresa da qual é CEO), a necessidade de facilitar a jornada paciente, médico e farmácia por meio de uma plataforma simples e centralizada. Ali começava a história da parceria entre a SoftDesign e o Anexth, produto digital que hoje já está em piloto em diversas cidades do Brasil.

Conversamos com Marco para lembrar um pouco dessa trajetória, e aproveitamos para desvendar detalhes do trabalho realizado e explorar as características do Anexth. Convidamos você a assistir ao vídeo abaixo ou, se preferir, a ler o artigo a seguir.

O Aplicativo do Paciente

O Anexth foi criado para facilitar a vida do paciente, minimizando a necessidade de deslocamento físico por demandas de saúde. Até então, a jornada tradicional do paciente consiste em uma peregrinação cansativa, pois exige que ele esteja presente em ações relacionadas a médicos, laboratórios e farmácias.

“Identificamos que precisávamos resolver essa dor. Criar um instrumento, um aplicativo, que facilitasse essa jornada para o paciente, incluindo desde a marcação de consulta digital, do agendamento de exames, passando pela realização da teleconsulta, pelo recebimento de prescrições e laudos, até a busca pelo melhor medicamento, com o melhor preço, nas farmácias”, explicou Marco.

Ademais, com o Anexth, o paciente pode armazenar e acessar todo o seu histórico de documentos em um só lugar. O que ainda acontece hoje em dia é que esses documentos são reunidos em papel, o que gera perdas, esquecimentos, etc. Até já existem algumas alternativas digitais, mas ainda assim cada documento fica em um local, um e-mail ou um link enviado por SMS. Com esse app, é possível guardar tudo digitalmente no mesmo lugar, tornando fácil a gestão de todos os documentos e o envio desses para os médicos.

anexth_app

Telas do aplicativo do paciente.

O Portal do Médico e da Farmácia

Além do aplicativo, o Anexth possui também o Portal do Médico e o Portal da Farmácia. Cada um deles é usado por esses profissionais para atender as demandas do paciente. Ou seja, o paciente pode conversar tanto com médicos, no caso da teleconsulta, quanto com farmacêuticos, para realizar um teleatendimento e ter auxílio na escolha do melhor medicamento ou na resolução de dúvidas. De acordo com Marco:

“O Anexth é um grande hub de interfaceamento do paciente com os vários players do ecossistema de saúde. Hoje temos os Portais do Médico e da Farmácia, mas pretendemos ampliar para laboratórios, planos de saúde, etc. O foco é sempre facilitar a vida do paciente, conectando todos esses agentes do sistema. Lançamos primeiro o médico e a farmácia porque são o início e o fim do processo, mas no meio ainda tem muita coisa para criar”.

O CEO contou que no primeiro dia de uso da plataforma, teve certeza de que eles estavam no caminho certo. Um médico obstetra da cidade de Campinas precisou atender uma paciente com suspeita de COVID-19 e, rapidamente, usou o Anexth para realizar a teleconsulta e solicitar exames. “Isso foi uma surpresa muito positiva para nós, porque no primeiro momento em que colocamos o produto no ar, a primeira ação já foi dessa natureza, tão benéfica”.

anexth_portais

Telas dos Portais do Médico e da Farmácia.

A escolha das tecnologias

As primeiras iniciativas de criação do Anexth foram realizadas dentro da própria BN Brasil. Entretanto, a equipe do projeto logo percebeu que era preciso um nível de conhecimento técnico e uma série de diferentes perfis profissionais para executá-lo. A alternativa foi buscar no mercado uma empresa que tivesse reconhecidamente essa expertise – e aceitasse o desafio de desenvolver o produto.

“Foi muito legal conversar com os engenheiros e arquitetos da SoftDesign que, discutindo sobre o objetivo do nosso produto, nos orientaram no sentido de escolher a tecnologia mais atualizada e escalável possível, com toda a garantia de segurança. Afinal, na área da saúde, além da segurança necessária em qualquer tipo de aplicativo, existem ainda questões regulatórias do segmento”, destacou Marco.

React, React Native e Node.JS foram as tecnologias escolhidas para o Anexth. O banco de dados é o MongoDB e toda a plataforma está hospedada na nuvem Digital Ocean, rodando em clusters de Kubernetes com Continuous Integration (CI). A tramitação de documentos assinados digitalmente está nos padrões do ICP Brasil.

O método ágil de trabalho

O time da SoftDesign que atua no projeto Anexth é composto por seis Desenvolvedores, dois Analistas de Qualidade, um Designer, um Product Owner e um Gerente de Projetos. A equipe robusta trabalha em três frentes: o aplicativo do paciente, o Portal do Médico e o Portal da Farmácia.

Para Marco, administrar as etapas de desenvolvimento em todas essas frentes é algo que exige muita organização, para que seja possível ter controle do roadmap de desenvolvimento do produto. Nesse sentido, o método ágil é ideal, pois proporciona proximidade entre cliente e time, entregas frequentes, confiança e desenvolvimento sustentável.

“Temos duas reuniões semanais para realizar esse ajuste fino, esse trabalho em cima do nosso roadmap. Nesses momentos definimos prioridades, olhamos para as etapas que estão em andamento, e pensamos no que precisa ser colocado a frente. É muito comum recebermos feedbacks dos clientes que já estão usando o produto e, ao analisarmos a importância dessas features, repriorizarmos para atender tais demandas”

Além das reuniões semanais, a cada quinze os times se reúnem para as entregas das sprints, quando a equipe do Anexth realiza as validações necessárias no trabalho SoftDesign, passa para as homologações e coloca as novas funcionalidades ou atualizações em produção. As ferramentas utilizadas no projeto – Microsoft Teams, Jira, Miro e Figma – garantem a transparência e o acompanhamento do trabalho.

anexth_time_softdesign

Parte do time da SoftDesign que trabalha no projeto Anexth.

Um conselho para empreendedores

O método ágil proporciona, ainda, a realização de projetos de escopo aberto. Isso significa que há espaço para as mudanças e para essa repriorização de que Marco fala – características indispensáveis à inovação. Entretanto, pode ser desafiador aceitar a dinamicidade de projetos dessa natureza, afinal, é preciso admitir erros.

“Você precisa ter um olhar de desapego. É preciso perceber que quando você identifica que algo deu errado (e isso vai acontecer, porque é um novo produto que está sendo construído) você precisa agir rápido. Não se pode entrar em desespero: o foco tem que ser melhorar e mudar os rumos do projeto, pivotar. Ou seja: você precisa se perguntar qual mudança você deve fazer para atingir o seu objetivo. Essa questão é muito importante, porque as mudanças são inevitáveis e errar é parte do processo. Até é positivo, porque ao errar, você está mais próximo do acerto. Você identificou que errou, sabe onde errou e está corrigindo a rota. O problema é você persistir no erro”.

O futuro do Anexth

Lançado no final de 2020, o app Anexth já possui mais de mil downloads nas lojas de aplicativo. Ele está disponível em diversas cidades do Brasil, e em breve haverá expansão para todo o território nacional. Marco até comentou que há vontade de ir para o exterior, afinal essa necessidade de facilitar o relacionamento do paciente com o ecossistema é mundial.

Ainda, recentemente, o Anexth foi convidado pelo Google para integrar um grupo de startups com grande potencial de crescimento. Por meio desse programa de incentivo a empresas, o Google apoia o uso de ferramentas para promover o produto de forma abrangente.

É, parece que essa história está só no começo. Estaremos acompanhando de perto e contribuindo para a evolução deste produto digital. Voa Anexth!


Quer ajuda para desenvolver o seu produto digital? Preencha o formulário abaixo que entraremos em contato!


Sugestões ou críticas para nosso blog? Entre em contato pelo endereço mkt@softdesign.com.br.

Foto do autor

Micaela L. Rossetti

Head de Marketing da SoftDesign, é formada em Jornalismo (UCS), mestre em Comunicação Social (PUCRS), e tem MBA em Gestão de Projetos (PUCRS). Especialista em Inbound Marketing e Content Marketing, também atua na área de Marketing Estratégico.

Deseja receber novidades sobre

DESIGN, AGILIDADE e TECNOLOGIA?

SoftDesign